Esantar realiza carregamento de navio de apoio à 40ª Operação Antártica
18/11/2021 17:04 em Variadas

A Estação de Apoio Antártico (Esantar) da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) realizou na manhã desta quinta-feira, 18, o carregamento do navio Almirante Maximiano, da Marinha do Brasil, no cais da Estação Naval do Rio Grande. Uma carga de quase 14 toneladas de alimentos, equipamentos e materiais de sobrevivência foi transportada do Campus Carreiros até o porto. A embarcação está prevista para deixar a cidade ainda hoje, rumo ao continente antártico.

Um total de 270 andainas (bolsas com kits de vestimentas antárticas) e 295 caixas com equipamentos e insumos foi transportado até a embarcação. Parte do material será destinada ao navio de apoio oceanográfico Ary Rongel, que já se encontra na Antártica dando suporte ao Programa Antártico Brasileiro (Proantar).

A chegada do navio polar Almirante Maximiano à Antártica está prevista para o próximo dia 28. Até lá, haverá uma nova parada na Argentina, para o último abastecimento do popular Tio Max. A embarcação deve retornar ao Porto do Rio Grande em 23 de dezembro.

No último semestre, o navio passou por um período de manutenção geral nos seus sistemas e equipamentos. O Almirante Maximiano prestará apoio logístico à Estação Antártica Comandante Ferraz e, em conjunto com o Ary Rongel, será empregado na realização de pesquisas científicas, no lançamento e recolhimento de acampamentos científicos e nos levantamentos hidrográficos em benefício do Plano de Trabalho de Hidrografia 2020-2023, da Diretoria de Hidrografia e Navegação.

Medidas sanitárias especiais são aplicadas na tripulação, como a realização de testes de detecção da Covid-19, reforço nas medidas de limpeza e afastamento social, entre outras. Desta vez, a Operação Antártica não levará pesquisadores/as da FURG.

Toda a logística de organização, armazenamento, carregamento e os descartes de materiais seguem os protocolos sanitários específicos para o contexto da pandemia. "As equipes da Esantar e da Marinha trabalharam intensamente e com todos os cuidados a fim de cumprir os prazos estabelecidos no cronograma desta 40ª Operação", afirma o coordenador de Apoio Antártico, Roberto Rossari de Bastos.

O navio Ary Rongel, que saiu do Porto de Rio Grande no dia 16 de outubro com carregamento também organizado pela Esantar, deve retornar ao Porto de Rio Grande no dia 23 deste mês, para descarregar o material que será recolhido pela Estação.

Parceria de longa data
A FURG tem forte atuação na área da oceanografia. Em 1982, a universidade foi convidada a participar do Projeto Antártico Brasileiro (Proantar) e, assim, a partir do convênio entre a universidade e a Comissão Interministerial para os Recursos do Mar (Cirm), foram construídas e ativadas as instalações da Esantar, administrada pela Coordenação de Apoio às Operações na Antártica da FURG. O objetivo do Proantar é ampliar o conhecimento científico no continente gelado, com o objetivo de compreender seus fenômenos e a influência deles sobre o território brasileiro.

A Esantar possui em sua estrutura a direção, a Coordenação de Apoio Antártico e a Coordenação da Frota Marítima da universidade, uma equipe administrativa e uma equipe de apoio logístico, envolvendo servidores e trabalhadores terceirizados.

"A parceria da FURG com a Marinha do Brasil tem longa data e envolve vários projetos e programas. A Esantar é uma destas parcerias que tem grande relevância para a ciência brasileira, em especial as pesquisas na Antártica, para as quais todo o trabalho cuidadoso da Estação e o apoio da Marinha do Brasil são fundamentais", diz a diretora da Esantar, professora Cleuza Maria Sobral Dias.

Assessoria de Comunicação - PMRG

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE